quarta-feira, 13 de abril de 2011

Direito Eleitoral - Marcos Ramayana - Ed. Impetus

Há algum tempo venho buscando me familiarizar com o Direito Eleitoral, matéria que se tornou obrigatória nos concursos para a Magistratura Estadual após o advento da Resolução 75 do CNJ.

E se é para aprender, melhor fazer isso com quem é autoridade (literalmente!) no assunto. Marcos Ramayana é membro do Ministério Público do Rio de Janeiro (Procurador de Justiça), exercendo a função Coordenador das Promotorias Eleitorais no Estado do Rio de Janeiro. Quer mais? Também leciona Direito Eleitoral na pós-graduação da FGV, na Fundação Escola do Ministério Público, entre outros cursos. Só na Editora Impetus são cinco livros de Direito Eleitoral publicados. Reconhecidamente um especialista na matéria.

O seu livro "Direito Eleitoral" é uma obra completa e extensa (mais de 900 páginas), abrangendo a disciplina em suas mais variadas nuances. Os capítulos são reforçados, não só pelo essencial da matéria, mas também por observações críticas do autor. Em suas explanações, o autor faz uma perfeita mescla do Direito Eleitoral com outras disciplinas que gravitam em torno deste (como o Direito Penal e o Constitucional), revisitando frequentemente seus conceitos. Os capítulos tem alguns mapas mentais que facilitam a fixação da matéria.

O livro está atualizado com a Lei da Ficha Limpa, com exceção do posicionamento recentemente fixado pelo STF, que ocorreu questão de semanas atrás.

O livro é mais indicado na preparação para as fases mais adiantadas dos concursos, em especial para provas discursivas mais específicas. Boa pedida também para quem está cursando uma pós-graduação de Direito Eleitoral e para aqueles que lidam com a disciplina no dia a dia, quer sejam advogados, quer sejam juízes ou promotores. É uma excelente fonte de consulta para pontos nebulosos da matéria.

 
O livro pode ser encontrado no site da Livraria Concursar, pertencente ao mesmo grupo da Editora Impetus. Seu preço é R$ 85,41 (oitenta e cinco reais e quarenta e um centavos). Pouco pela extensão de seu conteúdo.

Indicação certeira para quem quer aprofundar na matéria.

Um forte abraço a todos,

MOCAM

4 comentários:

  1. Comprei esse livro e me decepcionei...
    O que adianta o autor ter um excelente conhecimento do assunto, se sua didática é zero?
    Estremamente prolixo, o autor não consegue ser claro em suas argumentações, resultando num tipo de texto que nós, concurseiros, devemos passar longe...

    ResponderExcluir
  2. "Direito Eleitoral" e "leitura prazerosa" são mesmo expressões compatíveis???? kkkk

    Preciso tomar vergonha na cara três vezes ao dia e comprar um bom livro de eleitoral... valeu pela dica meu chapa!!!

    Abs

    ResponderExcluir
  3. Oi, Mocam! Tudo bem?

    Comecei a estudar para a Magistratura no ano passado. Estou cheia de dúvidas.

    Para a primeira fase, o que vc me aconselha: estudar mais lei seca, doutrina, sinopse? Como formar uma bae?

    Outra coisa: gostaria que vc falasse no blog sobre as bancas dos concursos para magistratura. Vi que algumas são os próprios Tribunais. Como fica a preparação nesse caso, já que costumamos prestar a prova por todo o Brasil?

    Abração,

    Gabrielle

    ResponderExcluir

• Vídeos, dicas de estudo, materiais gratuitos e muito mais. Grupos de estudo e muita informação sobre concursos das carreiras jurídicas. Acesse o Blog do MOCAM e cadastre-se no Fórum do MOCAM.

• Discordar é saudável. Mas comentários ofensivos não serão publicados.

• Publicidade não será permitida.

• Não serão publicados comentários contendo emails, números de telefones, endereços ou outros dados pessoais.

Veja Também no Blog do MOCAM